As férias de julho chegaram e muitas famílias vão aproveitar para descansar e viajar. Quem não se programou com antecedência, acaba comprometendo o orçamento com prestações altas, valores nada econômicos ou dívidas. Para evitar que este tipo de situação ocorra, a Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) de Uberlândia lista uma série dicas que podem ajudar a evitar problemas inesperados durante esse período. Não conseguiu folga no trabalho? Aposte em programações culturais e colônias de férias.

Confira as orientações e aproveite para se divertir em família!

Orçamento

- Após avaliar a situação real das finanças, inclua em seu orçamento o quanto pretende e o quanto pode gastar no período de férias, fracionando um valor aproximado a ser gasto, entre os dias previstos para esse período.

- Leve em conta possíveis tours, passeios, ingressos de cinema, lanches, idas ao parque e até mesmo imprevistos durante a viagem (como paradas para refeições e problemas no veículo, entre outros). Não se esqueça de que, durante esses passeios, você e seus filhos podem ter gastos supérfluos. É mais prudente já incluí-los em seu orçamento.

- Esse momento é uma oportunidade e tanto para colocar em prática a ‘educação financeira’. Converse com seu filho sobre o valor disponível para ser gasto durante o mês e, junto com ele, organize os passeios, definindo prioridades para que nenhuma brincadeira fique de fora.

- A alta temporada é o período em que o comércio mais consegue faturar com o turismo. O problema é que, em julho, todo mundo quer passear e, consequentemente, os preços sobem. E isso vale para tudo, passagens aéreas, diárias em hotéis, alimentação, entre outros. Escolher destinos menos disputados pode ser uma alternativa de economia

Passagens Aéreas

- Os passageiros devem ficar atentos às regras de cada companhia aérea em relação à cobrança de bagagens.

- Além da pesquisa de preço, ele terá que verificar como é o procedimento para despachar as bagagens, porque as empresas terão autonomia para definir como será feita a cobrança e se ela será realmente feita.

- Com isto, será necessário programar quanto se vai levar de bagagem na ida e na volta, para pesquisar se aquela companhia aérea está ofertando uma franquia que seja boa para ele.

- Lembre-se de que algumas empresas aéreas têm preços diferenciados para compras pelo site, o que se mostra bastante vantajoso se você tem certeza das dimensões e peso de sua bagagem. Se, na hora do check-in, o peso ou medidas da bagagem forem divergentes ao informado na compra, a empresa poderá cobrar a diferença. Fique atento!

Atividades Culturais

- É muito importante aproveitar o período de férias para participar de eventos culturais. Muitos desses eventos são gratuitos. Vale a pena pesquisar!

- Veja a programação de eventos na sua cidade. Durante as férias acontecem muitas atividades educativas para crianças em shoppings, parques e museus. Em Uberlândia, o Museu Municipal, o Parque do Sabiá, o Aquário Municipal, a Biblioteca, o Parque Siquerolli e o Zoológico estão abertos à comunidade neste mês de férias.

Viagens

- Se seu filho está de férias, mas você não conseguiu a liberação do seu trabalho, dependendo da idade do seu filho, existem duas boas alternativas: acampamentos e colônias de férias. É uma forma de garantir a diversão das crianças, já que nesses lugares estão programadas atividades para tempo integral.

- Os preços podem variar muito de acordo com cada programação e pacote. Neste caso, pesquise bem os preços das diárias e pacotes e veja qual cabe no seu bolso.

Colônia de Férias

- Caso se interesse em contratar uma empresa ou um clube que esteja oferecendo colônia de férias é muito importante que pesquise sobre o contratado.

- Procure saber se o local tem a infraestrutura necessária para possibilitar a segurança do seu filho. Se possível, visite o lugar para conhecer as instalações.

- Verifique com pessoas próximas, ou na internet, a reputação da empresa, ou do clube, que pretende contratar.

Pesquisa de profissionais

- É muito importante que os responsáveis busquem referências sobre os profissionais que atuarão na colônia de férias, obtendo informação sobre a quantidade de funcionários disponíveis e a qualificação deles. Além disso, é fundamental verificar se a colônia possui uma equipe para dar os primeiros socorros em casos de acidentes.

Faixa Etária e Alimentação

- Busque informações com antecedência sobre quantidade de crianças inscritas e a faixa etária mínima e máxima permitida para a inscrição. Veja se o cardápio é adequado e se o local oferece opções de comidas e bebidas saudáveis.

Atenção ao Contrato!

- Não deixe de verificar se todos os itens informados em materiais publicitários ou mencionados verbalmente como: formas de pagamento, atividades, acomodações, equipe, atendimento médico e condições para desistência constam no contrato.

- É imprescindível saber todos os detalhes para evitar futuros problemas, inclusive observando se há no documento um período pré-estabelecido para a desistência, caso a criança não se adapte a colônia, e a possibilidade da devolução do dinheiro pago integral ou parcialmente.  Não tenha vergonha de perguntar. Caso suspeite de alguma irregularidade, ou tenha dúvidas, procure o Procon .

O Procon de Uberlândia funciona e atende, de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, na avenida Afonso Pena, 1612, Centro. Agendamentos e outras informações podem ser obtidas pelos telefones 151, (34) 3291-1600, (34) 3291-1601 ou pelo e-mail procon@uberlandia.mg.gov.br.